Como melhorar sua produtividade através da alimentação

Em Produtividade por NexFaça um Comentário

De acordo com a OMS (Organização Mundial da Saúde), a ansiedade e o stress estão presentes em 90% da população mundial. Nesse cenário, a alimentação aparece como uma peça-chave na desconstrução desta situação, uma vez que o que as pessoas comem está diretamente relacionado com o que elas sentem.

Por isso, a nutricionista Aline Quissak*, coworker do Nex Curitiba, preparou uma lista com 5 estratégias que vão melhorar sua concentração e produtividade no trabalho apenas mudando alguns hábitos alimentares. Vamos a elas!

 

Panqueca do amor

  1. Cuidado com o inocente cafezinho! O café, apesar de dar aquela despertada, acaba escondendo nosso cansaço, fazendo com que não tomemos as providências necessárias para corrigi-lo, como dormir melhor e comer bem. Outra atenção sobre o café é a quantidade de açúcar. A recomendação da OMS é consumir no máximo 2 colheres de sopa por dia. Será que você já não atinge essa quantidade só com uma xícara?
  2. Fique atento aos alimentos açucarados ou de carboidratos simples, como bolachinhas, torradinhas e doces. O corpo precisa de açúcar como fonte de energia, principalmente para os neurônios. Porém, o açúcar proporciona um pico de alegria e energia que dura apenas 15 minutinhos. Depois disso, logo voltam a aparecer sintomas de sonolência, cansaço e falta de foco. A dica aqui é ter sempre por perto snacks ricos em proteínas e vitaminas do complexo B, como castanhas, nozes, amêndoas e queijos curados.
  3. A base do seu prato de almoço é muito “amarela”, com muito arroz, macarrão e batata? Esses alimentos, apesar de importantes para o organismo, não oferecem todas as vitaminas e nutrientes que seu corpo precisa, sendo diretamente responsáveis por aquele “soninho” que você sente após o almoço. Por isso, busque deixar seu prato o mais colorido possível. Peixes, brócolis, espinafre, couve, grão de bico, feijão, ervilha, cenoura, morango… São muitas as opções! Experimente fazer essa mudança e depois contra pra gente se a sua disposição pós almoço melhorou!
  4. No final da tarde já estamos quase desmanchando na frente do computador, não é mesmo? O cansaço bate, mas geralmente ainda temos muito trabalho pra fazer. Para acabar com isso, siga essa dica da nutri: para controlar o Cortisol, nosso hormônio do stress tem pico entre 16h30 às 18h30, devemos ingerir fontes de vitamina C (suco de acerola, limão ou laranja), cacau (chocolate acima de 70%) e frutas secas (damasco, uva passa, etc).
  5. Só se tem um bom rendimento durante o dia com uma boa noite de descanso! Para ter um sono de qualidade, consuma banana, abacate ou iogurte natural antes de dormir, com duas castanhas-do-pará de acompanhamento. Chás como mulungu, melissa e maracujá também ajudam o corpo a relaxar!

Salada Anti Stress

Quem quiser conhecer outras dicas e receitas terapêuticas e saborosas, pode seguir a Aline no Instagram através do perfil @nutri_secrets. E se você se identificou com algum tópico deste texto, conheça o ebook “Mood and Food: Receitas para diminuir o stress, a ansiedade e melhorar seu humor”. Utilizando o código “NEX” você tem 10% de desconto na hora da compra!

Bom apetite!

*Aline Quissak é nutricionista formada em Applied Humman Nutrition na University of Guelph, no Canadá. Possui especialização em Oncologia e Sindrome Metabolica realizados no Canadá.  Atende no Nex Curitiba desde setembro de 2016.

Sobre o Autor

Nex

Deixe seu comentário